Futebol, Notícias, Profissional

Depois de dois meses de pré-temporada, chegou a hora do Marília Atlético Clube (MAC) entrar em campo no Campeonato Paulista da Série A-3.  Hoje, às 16h, contra a Portuguesa Santista, começa a caminhada maqueana em busca de uma das duas vagas de acesso. O duelo acontece no estádio Ulrico Mursa, em Santos e terá transmissão por imagem pelo site da Federação Paulista de Futebol (FPF).

Nesta 1ª rodada o Tigre poderá encerrar um tabu de nove anos sem vencer em estreias de competições estaduais e nacionais. A última vitória em um jogo inaugural aconteceu no Paulistão de 2008, quando o Marília ganhou do Bragantino por 2 a 0, em Bragança Paulista. De lá para cá são 17 estreias (dentro ou fora de casa) com 11 derrotas e seis empates.

Para um bom começo de Série A-3, o técnico Luciano Quadros aposta no entrosamento do time, que teve a mesma formação inicial dos quatro jogos-treinos da pré-temporada. A única mudança de última hora foi a entrada do zagueiro Giba na vaga de Alessandro Lopes, que teve problema na documentação e está fora da 1ª rodada.

Nos quatro duelos preparatórios os resultados não foram os mais animadores, apesar de todos os adversários estarem em divisões superiores a do Marília e terem jogado em casa. Foram duas derrotas: Penapolense (3 a 1) e PSTC-PR (2 a 0), um empate: Rio Preto (0 a 0) e apenas uma vitória: Tricordiano-MG (1 a 0).

Apesar do time titular definido e bem treinado, no banco de reservas em Santos haverá duas grandes sombras para os que começarem, pois entre os relacionados está o ídolo Fabiano Gadelha, de 38 anos, e o meia Diego Sales, de 28, um dos protagonistas no acesso da Série A-2 de 2014. Ambos são ‘queridinhos’ do torcedor, além do meia Matheus Marcondele, que ainda aprimora a parte física e não viajou.

Portuguesa

Após 40 dias de pré-temporada, o campeão da 4ª Divisão pretende iniciar o estadual com uma vitória em casa. O técnico Ricardo Costa fez mistério quanto ao titulares da Portuguesa Santista. A tendência é que ele mantenha boa parte dos jogadores que iniciaram o último amistoso diante do Juventus (empate em 1 a 1). Antes de empatar com o Moleque Travesso, a equipe realizou outros dois amistosos: venceram o sub-20 do Jabaquara por 7 a 0 e bateram um combinado de Guarujá por 3 a 1.

Arbitragem

A arbitragem para o duelo do Ulrico Mursa será de Alysson Fernandes Matias, auxiliado por Orlando Coelho Junior e Leandro Alves de Souza (auxiliar).

Portuguesa Santista – Fernando Hilário; Iran, Carlão, Victor Salinas e Tikinho; Pedrão, Pedro, Ricardinho e Fernando; Lucas Lino e Luis Gueguel. Técnico: Ricardo Costa.

Marília – Éder; Marlon Cola, Giba, Romário e Valmir; Agenor, Fábio Leite e Léo Franco; Filipe André, Gil Paraíba e Borebi. Técnico: Luciano Quadros.

 

Fonte: Jornal da Manhã de Marília

Share

Deixe uma resposta